segunda-feira, 26 de setembro de 2016

Canapé com compota de figos e queijo da Ilha (isa)

Uma adaptação que vi na ¡Hola!. Usei um queijo português e aproveitei o facto de estarmos em plena época de figos para uma entrada simpática e diferente!


Ingredientes:

fatias de pão de lenha (este é transmontano!)
queijo da Ilha laminado
azeite q.b.
1 folhinha de salsa

Compota de figos: (só fiz metade e cortei no açúcar!)

1 kg de figos maduros
500 g de açúcar
100 ml de água
sumo de 1 limão
1/2 c. de chá de canela
1 cravinho

Preparação da compota:

Lavar os figos e cortar em quartos, reservando-os num recipiente com o sumo do limão.
Numa caçarola, ferver o açúcar com a água, juntar o cravinho e os figos e a canela.
Deixar ferver a fogo lento, mexendo de vez em quando, durante uns 15 minutos.
Retirar do lume e deixar arrefecer. 

Por uma questão de gosto, passei a varinha mágica (retirei o cravinho primeiro) e triturei ligeiramente, deixando alguns pedaços!

Torrar as fatias de pão e regar com azeite a gosto.
Laminar o queijo e colocar por cima do pão.
Meter uma colherada de compota e decorar com a salsa.




sábado, 17 de setembro de 2016

Salada de grão de bico com especiarias e molho tahini (isa)

Uma excelente salada para levar para o trabalho... ou não!
O tahini (pasta de sésamo) não precisa de ser de compra; faz-se muito bem!
A ideia é retirada do site espanhol do El País.
Pode parecer muita coisa, mas vale a pena seguir a ordem das várias preparações:


Ingredientes base:

2 tomates pequenos
1/2 cebola roxa
1 pepino
1 mão cheia de folhas de menta / salsa / coentros
2 c. de sopa de azeite
sal e pimenta

Grão de bico com especiarias:

200 g de grão de bico cozido
1 colherada de cominhos moídos
1 colherada de pimenta de várias cores triturada
2 c. de sopa de azeite
sal a gosto

Tempero:

2 c. de sopa de tahini*
sumo de 1/2 limão
1/2 dente de alho
4 c. de sopa de líquido do grão de bico (ou água mineral)
1 c. de sopa de azeite
sal e pimenta

*tahini: sementes de sésamo; água; sal.
Torrar as sementes de sésamo, em lume baixo, uns 5 a 10 minutos numa frigideira. Quando estiverem levemente douradas, passá-las para o almofariz e ir moendo, juntando sal a gosto e água... a consistência deve ser cremosa!

Preparação:

Descascar o pepino, cortar longitudinalmente, tirar a semente com a ajuda de uma colher e cortar em cubos regulares.
Cortar o tomate em quartos, tirar as sementes e cortar a polpa em tiras.
Descascar a cebola e cortar em juliana.
Picar as ervas e juntar às verduras num recipiente com o azeite e temperar a gosto.
Escorrer o grão de bico e reservar o líquido para o molho.
Temperar o grão com o azeite, os cominhos e as pimentas coloridas num recipiente e misturar bem; acrescentar o grão de bico e temperar a gosto.
Picar o alho muito finamente ou usar o almofariz.
Juntar, num recipiente, todos os ingredientes do tempero e emulsionar com um garfo. Se a consistência está muito densa, juntar mais água; se a consistência está líquida, juntar mais tahini.
Para servir, colocar numa saladeira, primeiro a salada, a seguir, o grão com especiarias, regar com o molho e salpicar com ervas picadas.

Obs.: acompanhei com pão pita (de compra)!







quarta-feira, 14 de setembro de 2016

Compota de ameixa no forno (isa)

Maravilha! Basta deixar no forno e sai uma deliciosa compota!
Apareceu-me mesmo a tempo de usar uns abrunhos. A conferir o original nesta página italiana.


Ingredientes:

ameixas / abrunhos (1 kg)
açúcar (500 g)
canela (facultativo)

Preparação:

Depois de lavar os abrunhos e eliminar o caroço, cortá-los em pedaços pequenos para um recipiente grande. 
Pesar a fruta e acrescentar o açúcar, envolvendo bem.
Deitar esta mistura de fruta e açúcar num tabuleiro de ir ao forno, espalhando bem.
Polvilhar com canela a gosto.
Levar a forno quente, 220ºC, e deixar cozer cerca de 90 minutos (não é preciso mexer!) até a fruta ficar caramelizada.
Retirar do forno e mexer com uma colher:
Opção 1: deixar os pedaços de fruta como estão;
Opção 2: passar a varinha mágica e triturar (a gosto) para obter uma consistência mais cremosa.
Ainda com a compota bem quente, colocar em frascos, fechar bem e virá-los ao contrário, até arrefecerem.
Se se quiser conservar a compota uns 2 anos, ferver os frascos em banho-maria durante 20 minutos.

A minha opção foi a 1!



terça-feira, 13 de setembro de 2016

Bolo de maracujá fofinho (isa)

Em plena época de maracujás, um bolinho simples e delicioso de uma página brasileira.
Usei sempre fruta fresca!
Atenção: a calda fica muito doce! Convém adaptar ao gosto de cada!



Ingredientes:

3 ovos
3/4 de chávena de óleo
2 chávenas de açúcar
3 chávenas de farinha de trigo (usei Branca de Neve)
1 chávena de sumo de maracujá
1 c. de sopa de fermento em pó

Calda:

1 chávena de açúcar
1/2 chávena de água
polpa de 2 maracujás

Preparação:

Bater durante algum tempo os ovos, o açúcar e o óleo.
Acrescentar a farinha e o sumo de maracujá.
Bater novamente até misturar bem.
Colocar numa forma untada com margarina e polvilhada com farinha.
Levar a forno médio préaquecido durante uns 40 minutos ou até dourar.

Para a calda: num tachinho, levar ao lume a água e o açúcar, mexendo sempre, até dar quase um ponto de fio; retirar do lume e acrescentar a polpa dos maracujás; misturar. 



Optei por picar o bolo e regar com a calda.





      segunda-feira, 12 de setembro de 2016

      Sanduíche de sardinha de conserva e queijo creme (isa)

      A receita é com salmão fumado e é uma ideia das receitas perfeitas do Lidl.
      Experimentei com sardinha de conserva e resultou lindamente!
      Adaptei as quantidades à necessidade do número de pessoas e da refeição!...



      Ingredientes:

      pão baguete
      queijo creme q.b.
      1 lata de sardinhas em conserva
      1/2 cebola roxa picada finamente
      1 c. de sopa de salsa picada
      1 c. de café de mostarda
      1/2 limão
      3 c. de sopa de azeite
      sal marinho e pimenta preta
      salada para acompanhar

      Preparação:

      Cortar a extremidade da baguete e retirar o miolo cuidadosamente deixando-a inteira.
      Picar as sardinhas e colocá-las num recipiente com o queijo creme, a cebola, a salsa, a mostarda, o azeite, o sumo do limão e uma pitada de pimenta preta acabada de moer.
      Misturar bem e temperar com sal, se necessário.
      Espalhar o pâté no pão ( pode ser com saco de pasteleiro, mas com colher funciona muito bem) e embrulhar a sanduíche em papel aderente.
      Guardar no congelador durante algum tempo (uns 20 minutos).
      Retirar do frio, remover a película aderente e cortar em rodelas.
      Servir com salada a gosto.


      quinta-feira, 8 de setembro de 2016

      Lombo de porco enrolado em presunto e massa folhada (ju)

      Quando não se sabe o que fazer para jantar, "pede-se" ao google que nos ajude. Desta vez, a resposta dele recaiu sobre sobre duas receitas. Por isso, nada melhor que tirar partido de ambas. Contudo, acabei por me inspirar mais na "Cozinha com a ju", uma vez que também segui o seu conselho para o acompanhamento.




      Ingredientes:
      1 lombinho de porco grande
      1 embalagem de massa folhada retangular
      mostarda q.b.
      alho q.b.
      presunto q.b.
      sal e pimenta q.b.
      azeite
      cogumelos q.b.
      cebola q.b.
      ovo para pincelar

      Acompanhamento:
      Batatas q.b.
      tomilho
      sal e pimenta
      tirinhas de bacon
      tomilho q.b.
      vinho branco q.b.


      Preparação:
      Comecei por temperar o lombinho, com sal e pimenta. Deixei repousar alguns minutos. Numa frigideira, coloquei azeite e selei o lombinho, de ambos os lados. Retirei e deixei arrefecer. Na mesma gordura, refoguei cebola picada e quando vi que estas estavam moles, adicionei os cogumelos (como não tinha frescos, usei em lata e, por serem pequenos, deixei-os inteiros). Deixei refogar bem, até libertarem totalmente a água. Temperei com sal e pimenta e deixei arrefecer completamente.

      Entretanto, preparei a cama para o lombinho: estendi a massa folhada e coloquei por cima as tiras de presunto. Barrei o lombinho, morno, com a mostarda e rodeei-o com os cogumelos. Fechei o embrulho muito bem. Pincelei a massa com um ovo batido e levei ao forno pré-aquecido a 220º, cerca de 30 minutos.

      Acompanhamento:
      Cortei batatas às rodelas, previamente descascadas. Numa frigideira, aqueci um pouco de azeite com o bacon e deixei alourar alguns minutos. Acrescentei as batatas e temperei com tomilho. Temperei com sal e deixei alourar um pouco. Adicionei um pouco de vinho branco e deixei cozinhar, em lume brando, e com a frigideira tapada, até notar que as batatas estavam tenras.


      quinta-feira, 4 de agosto de 2016

      Bolachinhas de passas (isa)

      Encontrei um saquinho de passas no fundo do armário... e também encontrei esta deliciosa sugestão na TV7 Dias (fasc.159) cujo dossiê tenho tido aberto em cima da mesa... 
      Algumas adaptações na ordem sugerida, mas recomendam-se!


      Ingredientes:

      120 g de açúcar
      80 g de manteiga
      2 ovos
      250 g de farinha
      1 c. de café de aroma de baunilha
      100 g de chocolate
      100 g de passas
      manteiga e farinha q.b.

      Preparação:

      Unte um tabuleiro e forre-o com papel vegetal, que também deve untar.
      Bata o açúcar com a manteiga e adicione-lhes os ovos.
      Continue a amassar e junte-lhes a farinha.
      Depois de tudo bem misturado, envolva a baunilha, o chocolate cortado aos pedacinhos e as passas. 
      Deixe a massa repousar por 15 minutos no frigorífico.
      Ligue o forno a 190ºC.
      Estenda a massa sobre uma superfície, polvilhada com farinha, até obter uma espessura fina.
      Corte em pequenos círculos e disponha-os no tabuleiro.
      Leve-os ao forno, por 12 minutos.
      Descole as bolachas do tabuleiro, ainda mornas.

      Obs.: não sei o que fiz, mas a massa não deu para estender como sugerido; assim, fiz pequenas bolas que, com uma colher enfarinhada, fui achatando...